Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Publicidade

Facebook espiona até quem não tem conta no site

Um grande estudo realizado na Europa revelou que o Facebook espiona até internautas que não têm conta no site, na intenção de usar seus hábitos para vender anúncios publicitários. O caso foi reportado pelo The Guardian. A agência belga de proteção de dados pediu a várias iniciativas que investigassem a atuação da rede social, entre instituições de ensino e departamentos de telecomunicações. Acabou descobrindo que Mark Zuckerberg e companhia usam seus plugins para rastrear qualquer internauta que passar por eles.

Conar pede alteração de comercial com Compadre Washington

O Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) determinou, em votação realizada na terça-feira, dia 27 de maio, a "alteração por unanimidade" de trecho em um dos comerciais do site de vendas Bom Negócio. Na propaganda, que se popularizou pelo bordão "sabe de nada, inocente" e virou meme nas redes sociais, o cantor baiano compadre Washington chama a mulher que aparece de maiô à beira da piscina de "ordinária".

Barilla ataca gays, gera protesto de consumidor e reação da concorrência

Uma declaração pra lá de infeliz de Guido Barilla, presidente da multinacional italiana Barilla, marca conhecida no Brasil pelas massas e molhos, despertou a reação de consumidores e da concorrência. Perguntado em uma entrevista sobre a razão pela qual a empresa não usava homossexuais em suas campanhas , Barilla foi categórico: "Não faremos publicidade com homossexuais porque gostamos da família tradicional. Se os gays não estão de acordo, podem comer outra massa".

Gafes de marketing que marcaram o mês de junho

Luciano Huck Garoto-propaganda da TIM há quase dois anos, Luciano Huck deixou escapar que usa Vivo em seu smartphone pessoal. O apresentador usou um celular com chip da Vivo para postar uma mensagem em sua conta no Instagram no dia 14 deste mês. ““Acordar com 10 milhões de pessoas em sua página pessoal... não é todo dia”, escreveu Huck, ao lado de uma imagem de captura de tela em que é possível perceber que a rede do seu aparelho é da concorrência.

10 anúncios acusados de promover a violência contra a mulher

Dolce e GabbanaO anúncio da grife italiana foi veiculado na revista Esquire em 2012, e causou polêmica pela situação retratada, que dá a entender que a modelo pode ser abusada fisicamente por algum dos homens presentes no grupo que a cerca - parte deles já sem peças de roupas. A companhia se retratou após algumas reclamações de consumidores.

8 anúncios que fizeram grandes marcas passarem vergonha

Ford
No começo deste ano, a equipe da agência JWT Índia postou (sem aprovação) na internet um anúncio para o Ford Figo que deu o que falar. Na ilustração, um sorridente e vitorioso Sílvio Berlusconi comemorava ter amarrado e amordaçado três mulheres curvilínas no porta malas do carro. A Ford correu para divulgar um pedido de desculpas e se disse “chocada” com os anúncios.

8 campanhas publicitárias que foram parar no Conar em 2013

Comercial quente da Axe
A Axe está entre os grandes anunciantes que tiveram de se mobilizar de acordo com as determinações do Conar. O filme “Duas gostosas e um sortudo” gerou uma advertência à marca, além dos votos dos conselheiros pela suspensão do vídeo. Denunciado por consumidores por “apelo excessivo à sensualidade”, o vídeo foi lançado exclusivamente na web. A empresa defendeu-se afirmando que "sempre apostou na linguagem